Paracetamol após a vacinação: quando usar?

Dr. Luke

Dr. Luke

O App que ajuda pais e mães a organizar as vacinas dos filhos.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

A febre que ocorre após a vacinação, em geral, tem duração menor do que 24 horas e não traz complicações para as crianças. No entanto, é uma preocupação frequente dos pais, que os leva a considerarem o uso profilático de antitérmicos, isto é, antes do aparecimento da febre, como forma de prevenir a elevação da temperatura. 

Estudos científicos demonstraram que o uso profilático de antitérmicos, apesar de diminuir as reações febris após a vacinação, interfere na resposta imunológica do organismo e na produção de anticorpos. Ou seja, é possível que haja comprometimento do efeito protetor gerado pela vacina. 

Sendo assim, o uso de antitérmico profilático não é rotineiramente recomendado. Ele pode, todavia, ser considerado em casos específicos, como: 

– Febre maior do que 39,5ºC em aplicação de vacina anterior

– História pessoal ou familiar de convulsão

 – Choro inconsolável (link) após aplicação da vacina tríplice bacteriana

Nesses casos, aconselha-se a administração do antitérmico no momento da vacinação e em intervalos regulares nas 24-48 horas subsequentes.  

Compartilhe e ajude outros pais!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Deixe seu comentário!

Veja também:

Logo Dr. Luke

Guarde para sempre as vacinas do seu baby.

Baixe hoje nosso aplicativo e comece a proteger a saúde da sua família.